Carregando...
 
       
     
     
     
     
    A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 28/09/2018 15h55

    Sem mudança de esquema, Micale busca ajuste ofensivo no Figueirense

    Treinador não confirma a escalação da equipe que enfrenta o Atlético-GO

    Foto: Vinicius Nunes /Figueirense FC

    Com dez dias de trabalho antes de enfrentar o Atlético Goianiense em sua terceira partida à frente do Figueirense, o técnico Rogério Micale optou por manter o esquema 4-2-3-1 utilizado pela equipe durante toda a temporada no comando de Milton Cruz. O treinador busca ajustar a equipe ofensivamente para transformar a posse de bola do Alvinegro em um jogo mais objetivo no ataque. O treinador não confirma as entradas de Matheus Sales e Juninho na formação titular, trabalhadas no treino de quinta-feira.

    - São opções que estamos pensando, criando alternativas no elenco, com a característica de jogo que queremos. A profundidade é importante para a gente, nossos números mostram uma posse de bola boa, mas poucas finalizações com perigo. Estamos tentando acertar isso para equilibrando ter um volume maior de jogo. Mas também sem perder o atacar marcando para não sofrer contra-ataques. É dar o equilíbrio, buscando alternativas ofensivas - comenta Micale, que explica a mudança pouco radical no time.

    - A gente tenta tirar proveito daquilo que a equipe tem como mais forte, é uma equipe técnica, faz jogo apoiado com qualidade, mas tenho as minhas características, acho que esse jogo apoiado tem que ser mais ofensivo, em busca de finalizações. Tentamos colocar isso, ser um time mais agressivo, tentamos compactar mais a equipe dentro do que acredito, naquilo que entendo como compactação e aproximação dos setores. Lógico que não quisemos dar excesso de informações, o prazo, apesar de bom, para construir uma equipe é pouco. Tentamos conciliar o que existia, a característica de equipe e o que eu acredito para voltar a vencer - pontua o técnico.

    Rogério Micale fechou dois treinamentos para a imprensa durante a semana, na quarta e sexta-feira. Na atividade de quinta, com acesso liberado para os jornalistas, o time trabalhou com Denis; Diego Renan, Nogueira, Cleberson e João Paulo; Matheus Sales, Betinho, Ferrareis, Jorge Henrique e Juninho; Elton. Entregues ao departamento médico, o meia Renan Mota, os volantes Zé Antônio e Pereira e o goleiro Alisson não são opções para o jogo das 16h30 deste sábado contra o Atlético Goianiense no Orlando Scarpelli.

    CBN Diário