Carregando...
 
       
     
     
     
     
    A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 30/06/2016 12h08

    Procurador rebate pedido de cassação de Cesar Souza Jr: "Uma manobra eleitoreira"

    Confira a entrevista com Alessandro Abreu, procurador-geral de Florianópolis, ao Notícia na Manhã

    Procurador-geral de Florianópolis, Alessandro Abreu falou com a CBN Diário

    Foto: Clicrbs

    O prefeito de Florianópolis, Cesar Souza Jr, ainda não se manifestou a respeito do pedido de cassação apresentado no relatório da CPI dos Radares nesta quinta-feira. O procurador-geral do município, Alessandro Abreu, chamou o relatório de "manobra eleitoreira", e disse que já foram tomadas todas as providências:

    - Já existe uma ação judicial do Ministério Público para apurar esse material. Ou seja, o MP já fez a sua parte, e o município, assim que tomou conhecimento, rescindiu o contrato com a empresa (que cuidava do sistema de radares e sinalização de trânsito de Florianópolis). Fico triste como cidadão. Acabamos tratando instrumentos tão importantes como uma CPI pra fazer uso político às vésperas de uma eleição - disse Alessandro Abreu.

    CBN Diário