Carregando...
 
       
     
     
     
     
    A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 27/11/2018 13h37

    (Podcast) Como a tecnologia está mudando a indústria do transporte

    Confira o podcast sobre como empresas de frotas e motoristas podem se adaptar às tendências e atender às demandas do mercado

    Um dos setores que mais tem se beneficiado com o fluxo constante de evoluções técnicas é a indústria do transporte de cargas. As mudanças são tantas e tão constantes que os early adopters, ou seja, aqueles que aderem rápido às inovações, se tornam as forças mais produtivas e lucrativas do setor.

    O panorama para profissionais do transporte é positivo. A demanda por condutores capacitados e suscetíveis ao uso de novas tecnologias só tende a crescer nos próximos anos, e as empresas que recrutam esses profissionais e investem em tecnologia irão ganhar espaço no mercado e aumentar suas margens de lucro.


    Divulgação: Cavese/Scania

    Afinal, quais são essas tecnologias?

    1 - Monitoramento de motoristas

    O desenvolvimento de soluções que permitem o compartilhamento de dados na indústria do transporte de cargas permite que empresas de frota acompanhem o motorista e o veículo durante a rota traçada. Quilometragem, distância de cada trajeto e comportamentos do condutor no volante podem ser monitorados à distância, o que permite que as empresas façam sugestões de melhoria no comportamento em tempo real. Dessa forma, o motorista tem um feedback pontual sobre a forma que dirige e a empresa consegue ter níveis de rentabilidade mais saudáveis.

    Uma tecnologia destaque nesse setor é o Scania Driver Support que consegue analisar o comportamento do condutor e sugerir melhores práticas de direção que visam a economia de combustível, o uso mais eficiente dos freios de serviço e auxiliar e a escolha das marchas corretas para cada topografia. Essas tecnologias não visam a punição dos motoristas, o intuito é orientar quanto às melhores práticas, permitindo que o motorista se mantenha atualizado e conduza sempre em segurança.

    2 - Tecnologias de comunicação

    O advento de redes de informação cada vez mais precisas e disseminadas não só facilitou a comunicação interpessoal como mudou a forma como negócios são feitos. Na indústria do transporte não é diferente. Redes integradas permitem que motoristas, frotistas, despachantes e todos os membros da equipe estejam em contato 24 horas por dia, sete dias por semana.

    A tecnologia melhorou a velocidade que as informações chegam a cada ponto de contato e deu mais segurança aos condutores, que em situações de crise conseguem contar com a avaliação de colegas para saber qual é a melhor decisão a ser tomada.

    Além disso, compartilhamento de rotas e a escolha do trajeto ideal permitem que os motoristas identifiquem qual o caminho que exije menor esforço da máquina e que tenha menores atritos. Fica mais fácil para o condutor e resulta em menor desgaste das peças. Também permite cortar quilometros desnecessários e fugir de acidentes que podem atrasar a entrega.

    3 - Recrutamento e seleção

    A inovação na forma de buscar trabalho e colaboradores é um benefício para empresários e empregados. É uma via de mão dupla por permitir o acesso a diversos profissionais e inúmeros postos de trabalho.

    A disrupção acontece, já que ficou mais fácil para os autônomos encontrarem trabalho por meio de plataformas que unem motoristas e cargas que precisam ser transportadas, dando mais independência ao condutor. Já para a empresa, a vantagem é a de poder acessar bancos de dados que apontam onde estão os melhores e mais capacitados motoristas.  

    Nesse cenário, exige-se das empresas e dos condutores esforço para se manter atualizados. Um exemplo de boa prática é o Scania Driver Coaching, um programa que  combina soluções tecnológicas e acompanhamento de profissionais qualificados, para garantir que o condutor não recorra à maus hábitos na direção. É um exemplo de como empresa, motorista e máquina, quando bem conectados, podem viver de forma simbiótica visando melhores resultados.


    Divulgação: Cavese/Scania

    4 - Tecnologias de segurança

    É provavelmente o setor que mais teve avanços nos últimos anos. São diversos sistemas que visam conforto e segurança como: controle de estabilidade, anti-lock braking system (freios ABS), sistemas avançados que evitam colisões, câmeras no interior da cabine, câmeras de ré, sistemas de aviso de pontos cegos, sensores de estacionamento, entre outros.

    Investir em tecnologias de segurança não só preza pela vida e bem estar dos condutores e de quem eles encontrarem na estrada como é saudável para as finanças da empresa, já que muito é gasto com seguros e reparos à propriedade pública e privada.

    Esse conteúdo faz parte da série “Tecnologia no transporte de cargas”. Um oferecimento da Cavese/Scania em parceria com a CBN. Confira abaixo o Podcast realizado com o comunicador Renato Igor e os convidados Tupiara Scortegagna (Master Driver Scania e formadora de opinião), Ruy Gobbi (finalista da América Latina do Scania Driver Competitions e Giovani Darolt (motorista autônomo).

    CBN Diário