Carregando...
 
       
     
     
     
     
    A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 12/01/2018 8h26

    Moacir Pereira: Cesar Grubba deixa Secretaria de Segurança de SC para concorrer a deputado federal pelo PSD

    O secretário de Segurança Pública, promotor de Justiça Cesar Grubba, deverá exonerar-se do cargo em fevereiro para concorrer a deputado federal pelo PSD nas eleições de outubro.    

    Ele esteve reunido com o presidente estadual do partido, Gelson Merísio.  O nome do sucessor não foi divulgado.  O vice-governador Eduardo  Moreira procura alguém com larga experiência na área.   Ele já disse que segurança pública e saúde, duas áreas críticas no governo Colombo, serão prioritárias em sua gestão.  Na saúde assumirão Acélio Casagrande e o medico Marcelo Reis.

    Cesar Grubba deverá fazer dobradinha com o presidente da Adepol, delegado Ulisses Gabriel, que disputará cadeira na Assembleia Legislativa também pelo PSD;  e com o coronel Paulo Henrique Hemm, comandante geral da Policia Militar, que deverá se filiar ao PSB socialista. 

    O Defensor Publico Geral do Estado, advogado Ralf Zimmer, confirmou que sairá do governo dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher.  Vai homenagear a Sub-Defensora, Ana Dihl Cavalin, que vai sucedê-lo e se transformará na primeira mulher a ocupar o cargo.

    Outra mudança confirmada acontecerá na Casan, com a saída do presidente Valter Galina, que disputará a Assembleia pelo PMDB.

    Nos próximos dias serão intensificados contatos e reuniões para definição de novos nomes que passarão a compor o novo governo a partir de 1º de fevereiro, quando os deputados estaduais deixarão várias secretarias, retornando a Assembleia Legislativa.

    -

    E na minha coluna do Diário Catarinense uma pequena entrevista com o senador Álvaro Dias, que hoje volta a Santa Catarina para compromissos no oeste do Estado. 

    Ele defende a “refundação da República’, com mudança na estrutura do Estado brasileiro.

    Afirma de forma categórica que o governo está falido, é corrupto e ineficiente. Disse: “O Brasil não melhora com este sistema corrupto de balcão de negócios.

    É uma usina de escândalos, matriz de governos corruptos e incompetentes, criada e consolidada em Brasilia e transplantado para Estados e Municípios.

    Ouça na íntegra o comentário de Moacir Pereira para a CBN Diário:

    CBN Diário