Carregando...
 
       
     
     
     
     
    A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 10/11/2018 21h13

    Matemática do acesso: os jogos que faltam para o Avaí e os demais candidatos à Série A

    Foto: Marco Favero /Diario Catarinense

    Apesar da derrota nos acréscimos para o Fortaleza, na Ressacada, o Avaí encerrou a 36ª rodada da Série B dentro do G4, o grupo de acesso à primeira divisão em 2019. Com 57 pontos, o Leão da Ilha foi beneficiado pelo empate do Londrina com o Oeste, em Barueri. Se tivesse vencido, o time paranaense teria assumido a quarta posição.

    Para subir sem depender de outros resultados, o Avaí precisa vencer o CSA, em Maceió, e a Ponte Preta, em casa. Caso some quatro pontos (ou menos) nessas duas partidas, passará a depender de resultados paralelos.

    Há boas chances de o último jogo, dia 24, na Ressacada, ser um confronto direto pelo acesso.

    — As nossas chances diminuíram muito, mas ainda dependemos das próprias forças. Temos de correr atrás de duas vitórias. Vamos ter de buscar a vitória em Maceió — projeta o técnico Geninho. 

    — Ainda bem que alguns também empataram. O Londrina perdeu duas vezes um pênalti, também tem muito a lamentar. Ainda estamos na frente. Temos de motivar o grupo.

    A duas rodadas do final, sete clubes lutam por três vagas na Série A. Só o campeão Fortaleza já está garantido. Confira os jogos que faltam para cada um:

    CSA - 59 pontos, 16 vitórias
    Avaí (C) e Juventude (F)

    Goiás - 57 pontos, 17 vitórias
    Oeste (F) e Brasil (C)

    Avaí - 57 pontos, 15 vitórias
    CSA (F) e Ponte Preta (C)

    Ponte Preta - 56 pontos, 15 vitórias
    Coritiba (C) e Avaí (F)

    Londrina - 55 pontos, 15 vitórias
    CRB (C) e Guarani (F)

    Vila Nova - 55 pontos, 14 vitórias
    Criciúma (C) e São Bento (F)

    Atlético-GO - 53 pontos, 14 vitórias
    São Bento (C) e Paysandu (F)

     

     

    CBN Diário