Carregando...
 
       
     
     
     
     
    A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 21/03/2018 2h14

    Lesões, suspensões e pouco tempo de treino. As dificuldades do Avaí para encarar o Tigre

    Mesmo com os problemas, grupo ainda não joga a toalha no Estadual

    Após cumprir suspensão, Luan volta ao time contra o Criciúma

    Foto: Divulgação /Avaí FC

    Com chances matemáticas de continuar na briga por vaga na final do Estadual, o Avaí entra em campo na noite desta quarta-feira, 21h45min, na Ressacada, para receber o Criciúma. Após o empate com o Concórdia no último domingo, o Avaí deixou o Figueirense abrir oito pontos de frente e viu sua vida ficar bem complicada. E para ajudar, o time só conseguiu voltar do Oeste do estado no início da noite desta terça-feira e não conseguiu treinar com todo o grupo junto e para piorar, no julgamento dos episódios do clássico, o técnico Claudinei Oliveira pegou seis jogos de suspensão e o meia Marquinhos quatro partidas. O jurídico do Avaí vai tentar o efeito suspensivo para que os dois fiquem a disposição para o confronto diante do Tigre.

    Claudinei Oliveira fez um trabalho com o grupo que estava em Chapecó na manhã de terça-feira no CT da Chapecoense. Um trabalho de movimentação e até criando situação de jogo, mas sem montar a equipe que ele pretende mandar a campo. Após a atividade, o grupo se preparou para voltar para Florianópolis com um dia de atraso devido ao problema técnico com o avião que não conseguiu sair de São Paulo na segunda-feira e impediu o retorno do Leão para casa. Os jogadores que ficaram na capital, treinaram na parte da tarde. Como era um grupo pequeno, um treino de campo reduzido foi realizado. Na atividade, os volantes Judson e André Moritz não treinaram, já que estavam entregues ao Departamento Médico. Judson sentiu o adutor da coxa e Moritz tem uma tendinite do tendão do aquiles. Os dois atletas não devem ser liberados pelos médicos dos clubes. Já o volante Luan, que cumpriu suspensão contra o Concórdia fica a disposição e volta ao time. 

    Enquanto esse grupo finalizava a atividade, o outro desembarcava em Florianópolis e os atletas foram liberados. A apresentação dos jogadores que enfrentam o Criciúma na noite desta quarta-feira acontece às 12h no hotel do bairro Itacorubi. Maurinho será reavaliado já que sentiu a coxa esquerda contra o Concórdia. Se estiver bem, será liberado para a partida, caso contrário, Claudinei terá que optar por outro atleta, possivelmente Lourenço. A lista dos relacionados deve ser liberada na manhã desta quarta-feira, pois somente aí é que a comissão deve saber com quem vai poder contar para este confronto.

    CBN Diário