Carregando...
 
       
     
     
     
     
    A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 12/12/2018 16h50

    Funcionários do Figueirense exigem pagamentos até sexta-feira

    Líderes de setores do clube ameaçam paralisar atividades

    Foto: Kadu Reis /CBN Diário

    Líderes de diversas áreas do Figueirense manifestaram ao presidente Cláudio Vernalha descontentamento com os atrasos salariais e ameaçam paralisar as atividades na próxima semana caso os pagamentos não aconteçam até nesta sexta-feira. Cerca de 10 profissionais em posições de liderança se reuniram e tomaram a decisão.

    — Reunimos os principais setores e líderes e decidimos parar. Demos um prazo até sexta-feira para ele nos pagar, está devendo meses e meses. São promessas que não se cumprem. Se não pagar até a sexta-feira, na segunda não viremos — afirma o líder de um dos setores do clube, que prefere não ser identificado.

    Os funcionários do Figueirense convivem com atrasos salariais durante todo o ano. No momento, acumulam pendências dos últimos meses com outros vencimentos passados, como o décimo terceiro de 2017.

    Internamente, o presidente Cláudio Vernalha mantém o discurso de confiança e afirma estar em busca dos valores para quitar os débitos. O clube enfrenta processos na Justiça do Trabalho com os recentes episódios da penhora de uma van e da liberação via judicial do meia Daniel Costa.

     

     

    CBN Diário