Carregando...
 
       
     
     
     
     
    A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 27/07/2016 16h55

    Em sua estreia olímpica, Moacir Zimmermann busca primeira medalha para a marcha atlética

    Marchador, que vive e treina em Blumenau, conquistou o índice em março deste ano

    Foto: Acervo pessoal

    O marchador Moacir Zimmermann nasceu em Foz do Iguaçu no Paraná, mas foi para Blumenau ainda criança e vive na cidade até hoje. Com 32 anos e nove títulos consecutivos nos Jogos Abertos de Santa Catarina, ele chega à sua primeira Olimpíada.


    Desde que conquistou o índice na marcha atlética de 20 km em março deste ano, em Dudince na Eslováquia, Moacir focou os treinamentos para a competição mais importante da carreira.

    "Eu dava aula como personal trainer só que a partir do momento que eu precisei fazer o índice, eu larguei a profissão para buscar uma boa colocação na Olimpíada."

    Para melhorar a performance, Moacir Zimmermann treina na Serra Catarinense.

    "Treino todos os dias de manhã e de tarde. Tenho uma vida normal como qualquer pessoa. Tenho filho e tenho esposa. Minha família vive essa vida de atleta. A gente gosta de viver isso. Agora estou fazendo minha preparação em São José do Cerrito até o dia 01/08.” 

    Nesse esporte em que o atleta não pode tirar os dois pés do chão ao mesmo tempo, o Brasil nunca conquistou uma medalha olímpica. A vontade de ser o primeiro a consegui-la fez o marchador emplacar um ritmo intenso nos treinos.

    "Tudo que eu puder fazer eu vou fazer, porque eu quero muito essa medalha. Foi difícil conquistar o índice. É difícil a medalha, mas nada é impossível. É difícil para todo mundo. Eu espero, no condicionamento em que estou agora, fazer pelo menos abaixo de 1h20. Eu treinei para fazer isso exclusivamente nos jogos. É o que eu preciso para conseguir a medalha lá, né? Eu acredito que quem fizer tudo certinho vai conseguir. Todos são bons lá na prova, porque o índice já é forte. Eu quero muito essa medalha e espero que venha agora pela intensidade na qual estou trabalhando. Só que todos são bons, todos estão treinando no máximo, então, vai ser num detalhe no dia."

    Moacir Zimmermann compete no dia 12/08 às 14h30.

    CBN Diário