Carregando...
 
       
     
     
     
     
    A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 27/11/2018 15h00

    Em Florianópolis, cerca de metade dos abrigos de passageiros de ônibus sofrem vandalismo

    Foto: Divulgação /PMF

    A prefeitura de Florianópolis promete concluir, até o final deste ano, a instalação de mais de 200 novos abrigos de passageiros de ônibus. Mas o que é para melhorar a vida de quem usa o transporte público nem sempre acontece. As estruturas para abrigar os passageiros são constantemente danificadas por vândalos. 

    São pichações, vidros, acrílicos e peças quebradas, e roubos de ferros e alumínios que geram mais gastos e, muitas vezes, prejudicam o uso. Cada abrigo custa R$ 10 mil para colocação.

    — É um problema sério que nós temos na cidade, ao ponto de nós colocarmos um abrigo na região do Saco dos Limões e três dias depois estar completamente pichado — comenta o secretário de Mobilidade da Capital Marcelo Roberto Silva.

    Em levantamento da Secretaria de Transportes e Mobilidade Urbana, aproximadamente 45% dos equipamentos instalados sofrem algum vandalismo. Pelo Artigo 10 da Lei Complementar 422/2012, que controla a ordenação dos elementos que compõe a paisagem urbana de Florianópolis, o vandalismo é proibido e passível de multa de até R$ 10 mil.

    As denúncias sobre vandalismos e colocação de cartazes em abrigos de passageiros de ônibus podem ser feitas para a ouvidoria da Secretaria de Transportes, pelo telefone 3251-6915 ou para a Guarda Municipal no 153.

    CBN Diário