Carregando...
 
       
     
     
     
     
    A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 16/01/2019 15h26

    Casos de diarreia aumentam 50% durante o verão em Florianópolis

    Os casos de diarreia aumentaram 50% nesta temporada na comparação com o mesmo período do verão passado em Florianópolis. Foram entre 1.300 e 1.400 registros identificados nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) localizadas no Sul e no Norte da Ilha. As causas estão sendo investigadas pela prefeitura.

    - O calor aumenta a proliferação dos germes, há uma dificuldade maior para manter os alimentos refrigerados. É preciso manter a higiene das mãos. As mãos são o principal vetor de transmissão de doença. O banho de mar em locais poluídos também são  perigosos. Nós recomendamos que se evitem a foz de rios e saídas de água pluvial - alerta a gerente de Vigilância Epidemiológica do município, Ana Cristina Vidor. 

    Uma orientação é para que os banhistas escolham as praias para banho tendo como base o relatório de balneabilidade do Instituto de Meio Ambiente (IMA,). 

    Confira a entrevista na íntegra: 

    CBN Diário