Carregando...
 
       
     
     
     
     
    A
     
     
     
     
     
     
    - Atualizado em 16/01/2019 11h45

    Casa Civil vai atender municípios após extinção das ADRs, diz Carlos Moisés

    Governador declarou ainda que associações de municípios também podem suprir papel das agências.

    Foto: Mafalda Press /Divulgação

    Uma central de atendimento aos municípios na Secretaria da Casa Civil deve exercer a função das ADRs (Agências de Desenvolvimento Regional) extintas pelo governo do Estado. O anúncio foi feito pelo governador Carlos Moisés da Silva (PSL) na tarde dessa terça-feira (15). 

    Moisés esteve presente nas eleições da presidência da Federação Catarinense de Municípios (Fecam), que ocorreu no auditório da Fiesc em Florianópolis. A relação com o governo nessa nova conjuntura é uma preocupação do novo presidente da Federação, o prefeito de Tubarão Joares Ponticelli (PP) . 

    — Eu votei contra a criação das ADRs em 2003, acho que a extinção delas é uma coisa boa, mas o fim das ADRs vai gerar um problema de relação entre municípios e estado. Como  vai ficar a parte burocrática dos convênios, prestação de contas. Essa função administrativa, burocrática, faziam bem. Agora, quem vai fazer? —  questionou Ponticelli. 

    Segundo o governador Carlos Moisés da Silva, as demandas dos municípios com administração do estado serão encaminhadas para as pastas onde estarão os servidores das extintas ADRs. 

    —  Nós vamos criar na Secretaria da Casa Civil uma central de atendimento aos municípios, onde os prefeitos poderão ter uma agenda com o governador, mas aquela rotina diária com os municípios nós teremos um atendimento privilegiado para essa demanda nova. Todas aquelas ações que o município tinha com o estado, serão mantidas nas devidas pastas para as quais vão migrar os servidores que atuavam nas ADRs. As associações de municípios também podem suprir esse papel — declarou o governador. 

    CBN Diário